Arquivo da tag: corte

HERMÉS, LUXO NÔMADE DISCO MUSIC

A Hermés desfilou uma coleção incrível, antropológica, nômade, amazona caçadora na semana de moda de Paris.

A coleção apresentada é a estréia do designer Christophe Lemaire na marca comandada anteriormente por Jean Paul Gaultier. Ao contrário de Gaultier, que mantinha uma linha mais séria, Lemaire aposta em silhuetas mais amplas e em modelagens não cansativas, de tão diversas que são.

Existe uma linha cronológica, que começa com um nomadismo chiquérrimo, com uma cartela sóbria de cores e com uma considerável quantidade de trabalho artesanal, que evolui para as sociedades indígenas com muita cor e estampas, caindo direto nos anos 70, disco music, que guiará grandes partes da criação nesse ano. Isso permeado por maravilhosas construções em alfaiataria.

 

E pelo visto, sandália, open boots, enfim, continuam bombadíssimas.

 

Anúncios
Etiquetado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

ARMANI PRIVÉ SPRING 2011 NO PARIS HAUTE COUTURE

Semana de alta costura de Paris é sempre uma maravilha. Às vezes um designer apresenta conceitos absolutamente incríveis, ou apenas segue as tendências presentes; mas de qualquer modo, todos os mínimos detalhes são cuidadosamente caprichados, o que já vale a pena.

Giorgio Armani apresentou uma coleção muito divertida, meio futurista, meio disco music, meio 80s trash glamour, com materiais brilhantes, tecnológicos e, se observarmos o vídeo, que torna difícil a locomoção das modelos.

Escuto muitas pessoas que criticam as coleções apresentadas nas passarelas por acharem não-usáveis, o que discordo totalmente, porque moda é show, e tudo seria tão sem-graça se às vezes não se exacerbassem os conceitos.

(Desfile aconteceu no dia 24 de janeiro de 2011)

Eis o que nosso estilista mais bronzeado do mundo ofereceu ao mundo nessa temporada.

paletozinho baphoo

sapatos e silhueta incríveis

Riqueza travestida, coisa linda!

O mais legal é que apesar de toda essa farra do boi na escolha dos materiais e tudo, o corte e a silhueta são impecáveis.

Bafão, gente, sem mais.

Valeu Giorgio.

Etiquetado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

VIVIENNE WESTWOOD MEN

Olá meus queridos! Primeiramente gostaria de pedir desculpas por tanto tempo sem postar, mas é que acontece um conflito interno com a gente, às vezes.

Vivienne Westwood é o suficiente para quebrar essa ausência, creio.

A coleção outono/inverno para meninos, apresentada na fashion week de Milão, é muito linda, com um frescor maravilhoso. Os cortes são diferenciados, o comprimentos encurtaram, a modelagem é mais ampla. Muitas cores, o xadrez de sempre, mix de estampas, moletom e um sapato que é a coisa mais espetacular desse mundinho.

calça baphoo

sapato mais espetacular, em close!. e esse paletó? OMG

80s! Sou muito fã de meias coloridas aparecendo, é um truque bem simples de styling que dá um resultado muito favorável

look muito bem montado, já pode querer ser homem e ter tudo?

textura

street

mix de estampas

!!!

cinto fininho para meninos, o que acham?

 

+ vídeo

Digno.

Etiquetado , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

ALEXANDER MCQUEEN MENSWEAR

Incrível pensar que vai fazer um ano que o grande estilista Alexander McQueen morreu. Mais incrível é o legado que ele deixou.

Eis a o lookbook da coleção masculina primavera/verão 2011, com o modelo James Smith – amo o cabelo

E as fotos ficam bem maiores, é só clicar.

 

a perfeição reside nos detalhes, principalmente na moda masculina. Observem as mangas, o cumprimento da calça e a gola. Linda a sobreposição dos cinzas.

Mais um vez, detalhes. A gola levantada, com um tecido diferente, a lapela bem estreita, os bolsos assimétricos, a calça bordô – escolha complicada para meninos, que são bem mais restritos com cores –  maravilhosa, com a barra dobradinha, que é uma tendência há bem 1 ano, e os sapatos oxford retro, com os furinhos, bem 50s.

Esse look é ideal para mostrar que ternos claros não precisam de sapatos caramelo ou marrom. Esse xadrez também evoca uma época que já foi, em que os homens ousavam mais na alfaiataria. Ótima opção. Ah, e o charme vem do detalhe do botão da camisa, que parece mais uma polo, se achar foto dela sem sobreposição, mostro aqui!

navy bem bonitinho, com os detalhes na manga da blusa, e o lenço também bordô com as caveiras identidade de McQueen.

Esse look foi montado com peças de fotos anteriores, mas com o paletó de veludo marinho completando. Mais uma vez a lapela estreita.

O terno tem botões mais claros e a calça é mais curta do que o normal, enquanto o sapato não é preto, mas um marrom bem escuro. Atentem à mistura de estampas da gravata e camisa listrada, que também foi uma grande tendência de 2010, mas um pouco deixada de lado, já que as pessoas ainda tem um pouco de medo na hora do styling. Vide o cadarço displicentemente desamarrado.

Então é isso, uma cartela de cores sóbria, com marinho e bordô. O mais importante é a riqueza dos detalhes, que embora não sejam extravagantemente construídos, como na moda feminina, forma a identidade da coleção, tradicional, mas bem moderna.

Fenomenal.

Etiquetado , , , , , , , , , , , , , , ,
Anúncios
%d blogueiros gostam disto: