Arquivo da tag: 80s

KLAUS NOMI

Estava eu futricando minunciosamente por alguma coisa que realmente agregasse algo, e acabei achando o maior divo da história desse mundinho que já já acaba.

Klaus Nomi foi um cantor de ópera new wave protopunk underground que ninguém acredita. Trabalhou com gente incrível como o David Bowie, e inspirou tudo que é gente montada de hoje em dia, como a Siouxsie ou a Lady Gaga.

Alemão, contra-tenor e sopranista, super estilizado e teatral, morreu em ’83, uma das primeiras vítimas conhecidas da AIDS, quando a mesma era praticamente desconhecida. Pelo visto, são poucas as pessoas que gostam de suas músicas, porque às vezes pode ser uma coisa meio tranqueira, o pior dos anos 80, sabe, mas ao mesmo tempo é bem genial, pela mistura de ópera com sintetizadores e new wave.

Mas fiquei maravilhada mesmo foi com a parceria entre Nomi e Bowie em uma apresentação no Saturday Night Live, de ’79. Infelizmente não consegui o vídeo, mas o áudio é bem high quality e a vida vale mais depois de assistir a isso.

Gente, e olha isso, que incrível. Claro que ninguém imitou ninguém, visto que o estilo está aí para quem quiser, mas eis Lady Gaga em “Born This Way” com um terno com a mesma modelagem da versão de plástico de Klaus Nomi.

Para quem quiser conhecer mais,

e toda sua performática maravilhosa em um vídeo ao vivo

esse acima, é um gif incrível, não sei pq não está aparecendo, mas é só clicar na imagem!

Etiquetado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

ARMANI PRIVÉ SPRING 2011 NO PARIS HAUTE COUTURE

Semana de alta costura de Paris é sempre uma maravilha. Às vezes um designer apresenta conceitos absolutamente incríveis, ou apenas segue as tendências presentes; mas de qualquer modo, todos os mínimos detalhes são cuidadosamente caprichados, o que já vale a pena.

Giorgio Armani apresentou uma coleção muito divertida, meio futurista, meio disco music, meio 80s trash glamour, com materiais brilhantes, tecnológicos e, se observarmos o vídeo, que torna difícil a locomoção das modelos.

Escuto muitas pessoas que criticam as coleções apresentadas nas passarelas por acharem não-usáveis, o que discordo totalmente, porque moda é show, e tudo seria tão sem-graça se às vezes não se exacerbassem os conceitos.

(Desfile aconteceu no dia 24 de janeiro de 2011)

Eis o que nosso estilista mais bronzeado do mundo ofereceu ao mundo nessa temporada.

paletozinho baphoo

sapatos e silhueta incríveis

Riqueza travestida, coisa linda!

O mais legal é que apesar de toda essa farra do boi na escolha dos materiais e tudo, o corte e a silhueta são impecáveis.

Bafão, gente, sem mais.

Valeu Giorgio.

Etiquetado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

AH, O VERÃO – III

Há algum tempo que os anos 80 e 90 voltaram forte na moda. E também na beleza.

Para quem possa ficar confuso, as sombras e batons vibrantes em efusão fazem parte da cartela 80s, enquanto aquele batom escuro, vinho é bem anos 90.

E nessa síntese louca ainda entramos no verão. Significa.

olhos marcados, verdes + batom vermelho mais fechadinho.

cabelão bem frisado, bem lindo +  sombra rosa meio fluor até a sobrancelha com sombra dourada até o côncavo + batom com efeito glossy vermelho meio rosa, não tenho certeza.

gótica rocker de batom bem roxo, lindo + olho preto marcadão

aqui dá para ver melhor o olho preto, aqui me parece um pincel flat de base, mas o batom escuro sempre fica melhor se aplicado com o pincel.

coque maravilhosíssimo com batom verde escuro

amo esse blush, fica muito lindo, já usei algumas vezes. Claro que não tão assim, mas bem marcado, indo até as têmporas. Olho bem marcado, com marrom +  batom vinho.

Tenho um blush que tem um rosa bem forte, e com brilhinhos, muito pigmentado. A mão deve ser leve na aplicação, mas fica legal, se bem aplicado. É  o Dollymix, da Mac. Para quem não tem MAC na cidade, entra na Sacks.

As fotos acima são do desfile da Lanvin para a H&M, mas no Brasil, Alexandre Herchcovitch fez uso de uma vasta cartela de cores para sua última coleção, Primavera/Verão, no SPFW.

já saí uma vez com um azul assim, sem ter batom nem nada. Usei um lápis de olho da MAC, Powerpoint Eye Pencil na cor Navy Stain +  uma sombra da Contém 1g bem viva, brilhante, acho que é essa abaixo, marcada. Toscoshop feeling haha desculpa gente. Aliás, a misturinha super quebrou o galho!

batom verde. não sei, até gosto, mas é meio vômito da guria do Exorcista, então eu meio que passo.

o batom preto. Amo muitíssimo. O mais perto que já cheguei foi usando o Hysteria da Chanel, que comprei há um tempo, na Sacks.

o Hysteria é o primeiro. E Fica assim.

Bom, a pigmentação é boa, mas a duração nem tanto, então passo um lápis escuro antes, contornando a boca, para depois aplicar o batom.

Já que estamos falando sobre batons, eis uns dos meus favoritos, matte, com uma linda pigmentação e duração. o Lady Danger, da MAC.

haha desculpem-me pela foto, mas foi a única que achei usando o batom. Natal do ano passado.

A Contém 1g tá de coleção nova, com batons coloridos, cada um por R$ 21. Fui ver de qual era. Provei todos no dorso da mão. A pigmentação do azul claro é a melhor, mas todas se vão rapidinho, esfreguei minhas mãos e tchau, sem nem um lencinho.

Limecrime! Baratos, as melhores cores, e entregam no Brasil. Aqui.

Bom, pincel eu uso o da Dior, tem aqui, mas existem zilhões de tipos, de todos os preços, que sempre vale a pena. Mas não me venham com aquele Prada, peloamor, que não presta, juro. Aliás, o meu veio num kit de viagem da Dior, que eles sempre lançam no fim de ano, o que barateia tudo.

Espero que tenham gostado desse longo longo post.

Um feliz natal a todos, muita birita, porque só assim né haha BRINKS

 

 

Etiquetado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,
%d blogueiros gostam disto: