Chanel Cruise lookbook com Georgia Jagger.

A coleção Chanel cruise 2010/2011 foi criada a partir de uma grande influência hippie, dos anos sessenta e também um tanto boho, setentista.

É possível observar cruissards – aquelas botas que batem na altura da coxa, sabem?- , caftãs de tecidos esvoaçantes, um pouco de metálico, shorts – de cós alto e também hot pants-, aquele marrom 70′, muita flor, tricô e franjas.

Os comprimentos variaram de um mini short, de cintura alta, ao caftã de mangas longas e na altura do tornozelo. Os tecidos variaram do chiffon ao jeans e ao tweed.

No desfile, em St Troppez, apresentaram-se, em destaque, a modelo – filha de Mick Jagger- Georgia May Jagger e a plus-size Crystal Renn.

O catálogo, assim como o curta-metragem de apresentação da coleção, foram criados e executados pelo kaiser Karl Lagerfeld.

Tem quem não gosta da Georgia. Há comparações diversas com a Lara Stone, ou dizem que ela é voluptuosa demais. Ou até rocker demais para ser Chanel.

Pelo contrário, acredito que ela difere um tanto bom da Lara e que a Chanel hoje é hi-lo o suficiente, globalizada o suficiente, para que Georgia May porte sua logo.

Crystal Renn

marrom 70's + cruissards

metalizados + marrom 70's + cintura alta + tweed

caftã esvoaçante com estampa

Karl investiu pesado no camelismo e no passado, de forma geral, criando peças sem muita expressão.

A Chanel Cruise já nasceu datada e envelhecida.

Anúncios
Etiquetado , , , , , , , , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: